Guerra Rússia-Ucrânia

Rússia desloca caças com mísseis hipersónicos para enclave de Kaliningrado

Rússia desloca caças com mísseis hipersónicos para enclave de Kaliningrado
Anadolu Agency
Um vídeo divulgado esta quinta-feira pelo Ministério da Defesa mostra a aterragem dos caças na base.

O Ministério da Defesa da Rússia anunciou esta quinta-feira que três caças MiG-31 armados com mísseis hipersónicos Kinzhal foram deslocados para a base aérea de Chkalovsk, no enclave de Kaliningrado, no âmbito de “medidas adicionais de dissuasão estratégica”.

O Ministério adiantou que os aviões de guerra serão colocados em alerta 24 horas por dia na base do enclave no Mar Báltico, que faz fronteira com dois países membros da NATO (Polónia e a Lituânia).

Um vídeo divulgado esta quinta-feira pelo Ministério da Defesa mostra a aterragem dos caças na base, mas sem os mísseis, que terão chegado a Chkalovsk separadamente.

A Rússia afirma que o Kinzhal tem um alcance de até 2.000 quilómetros e voa a 10 vezes a velocidade do som, dificultando a intercetação.

Estes mísseis de última geração têm sido usados para atingir vários alvos na Ucrânia, país que a Rússia invadiu a 24 de fevereiro.

O Kremlin reforçou anteriormente as suas forças em Kaliningrado, incluindo com armas de última geração, como mísseis de precisão Iskander e sistemas de defesa aérea.

O anúncio surge na sequência de críticas e ameaças de Moscovo a países que têm feito entregas de armas à Ucrânia, incluindo a Polónia e as nações do Báltico.

Segundo a Rússia, as entregas de armas pelos Estados Unidos e seus aliados para defesa da Ucrânia "prolongam o conflito" do país que invadiu.

Últimas Notícias
Mais Vistos