Guerra Rússia-Ucrânia

Há uma lacuna no arsenal russo que pode "estrangular" a guerra na Ucrânia

Há uma lacuna no arsenal russo que pode "estrangular" a guerra na Ucrânia
MIKHAIL KLIMENTYEV
Necessidades da Rússia podem ditar o rumo da guerra.

O arsenal russo está a sofrer com a falta de alguns componentes, nomeadamente, microchips de alta tecnologia, avança esta terça-feira o Politico. Com base numa lista a que teve acesso, o jornal norte-americano revela que as tropas de Moscovo estão a ser estranguladas por um grave défice tecnológico infligido pelas sanções do Ocidente.

Para além dos microchips, o Kremlim precisa de semicondutores, transformadores, cabos, transístores, isoladores e outros componentes eletrónicos que compravam a empresas dos EUA, Alemanha, Holanda, Reino Unido, Taiwan e Japão.

A falta destes elementos fazem com que a Rússia tenha que recorrer com mais frequência a munições mais primitivas, da era soviética. Outra solução tem sido, em alguns casos, retirar os componentes de eletrodomésticos como frigoríficos.

O Politico teve acesso a uma lista russa, dividida em três categorias prioritárias. Embora não conseguisse averiguar de forma independente a origem da lista, especialistas em material militar confirmaram que a informação descrita está de acordo com as necessidades da Rússia identificadas pelo Ocidente.

A Ucrânia sabe que a falta destes componentes pode ditar o rumo da guerra e, por isso, tem pedido a todos os países para travarem o acesso da Rússia a estas tecnologias.

O jornal norte-americano dá conta da possibilidade de a China aparecer com um país intermediário, comprando as tecnologias a outros países e vendendo-as a Moscovo.

Últimas Notícias
Mais Vistos