Guerra Rússia-Ucrânia

Ucrânia pede à população que "limite" consumo de energia

Ucrânia pede à população que "limite" consumo de energia
Europa Press News

A Ucrânia tem sido alvo, desde segunda-feira, de vários ataques russos às instalações energéticas.

O Governo ucraniano pediu à população que "limite" o consumo de eletricidade após a Rússia ter atacado instalações energéticas em várias regiões.

"Vamos pedir que limitem o consumo de eletricidade. Além disso, durante o horário de pico - das 17:00 e às 23:00 - por favor, não ligue aparelhos de uso intensivo de energia", solicitou o primeiro-ministro ucraniano, Denys Chmygal.

O líder ucraniano citou "placas elétricas, chaleiras elétricas" ou "radiadores, fornos e ferros, microondas, cafeteiras, máquinas de lavar a roupa e de lavar a louça".

"Isto é muito importante para o funcionamento estável do nosso sistema energético" e para a reparação de infraestruturas danificadas, argumentou, uma vez que a Ucrânia tem sido alvo, desde segunda-feira, de vários ataques russos às instalações energéticas, em retaliação à destruição parcial da Ponte da Crimeia.

"Mas estamos unidos e vamos ficar firmes", assegurou o governante, dizendo que os ucranianos já tinham reduzido o consumo de eletricidade em 10% no domingo, respondendo ao mesmo apelo das autoridades.

Chmygal saudou ainda que "o fornecimento de eletricidade nas regiões foi estabilizado", citando a região de Kharkiv (nordeste).

Últimas Notícias