Guerra Rússia-Ucrânia

Papa Francisco pode vir a mediar negociações entre Ucrânia e Rússia?

Papa Francisco pode vir a mediar negociações entre Ucrânia e Rússia?
Andrew Medichini

O porta-voz do Kremlin estará satisfeito com uma eventual intervenção do Papa Francisco.

O presidente da União dos Velhos Crentes, separada da Igreja Ortodoxa Russa, disse que o Papa Francisco está pronto para mediar conversações entre o Presidente Putin e o Presidente Zelensky para resolverem os conflitos, avança a agência de notícias TASS. Leonid Sevastyabov cita a conversa pessoal que teve com o chefe da Igreja Católica.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, afirmou que a Rússia está “aberta a todos os contactos”, e diz que o país está disposto para negociações com o Papa Francisco e o Presidente dos EUA. Contudo, diz que é preciso "partir do pressuposto que a Ucrânia proibiu a continuação das negociações de paz".

"A forma como Peskov reagiu deixa claro que o Papa do Vaticano, também serve para a Rússia como negociador", disse Sevastyabov.

Ao presidente da União dos Velhos Crentes, o Papa Francisco confirmou que está pronto para mediar as negociações entre os dois países, com ambos os Presidentes.

"Está pronto para atuar como mediador e os Presidentes Putin e Zelensky podem discutir temas, por exemplo, sobre um cessar-fogo, sobre algum tipo de retirada de militares".

Após tais negociações, o Papa Francisco vai propor a realização de uma conferência, na qual, além dos lados ucraniano e russo, também participarão representantes dos EUA e de países europeus.

Últimas Notícias