Incêndios em Portugal

Incêndio em Ourém: Presidente da República acredita que meios no terreno são os necessários

Loading...
Marcelo Rebelo de Sousa descartou a antecipação da situação de alerta.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, acredita que os meios que estão no terreno a combater o incêndio de Ourém são os necessários.

Esta sexta-feira à noite em Viana do Castelo, descartou uma antecipação da situação de alerta.

Os meios que estão a ser mobilizados são aqueles que são considerados possíveis e adequados para uma situação que estava complicada.

Situação de alerta

O ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, anunciou que o território continental vai estar em situação de alerta entre os dias 21 e 23 de agosto devido ao risco de incêndios.

"Tomámos a decisão de determinar a situação de alerta para os dias 21, 22 e 23 -- domingo, segunda e terça-feira, com reavaliação na segunda-feira ao fim do dia, tendo em vista reavaliar a necessidade de manter ou alterar a situação de alerta. Toda esta circunstância se aplica ao território continental", afirmou, após uma reunião na Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), em Carnaxide (Oeiras).

Últimas Notícias
Mais Vistos