Incêndios em Portugal

Mais de 60 concelhos de sete distritos em perigo máximo de incêndio

Mais de 60 concelhos de sete distritos em perigo máximo de incêndio
NUNO ANDRÉ FERREIRA
Perigo de incêndio rural vai manter-se elevado em algumas regiões do continente pelo menos até domingo.

Mais de 60 concelhos dos distritos de Vila Real, Viseu, Bragança, Guarda, Castelo Branco, Santarém e Portalegre apresentam esta quarta-feira perigo máximo de incêndio, indicou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IPMA colocou também vários concelhos de Braga, Vila Real, Viseu, Aveiro, Coimbra, Santarém, Leiria, Castelo Branco, Portalegre, Lisboa, Évora, Beja e Faro em perigo muito elevado e elevado de incêndio rural.

Segundo o instituto, o perigo de incêndio rural vai manter-se elevado em algumas regiões do continente pelo menos até domingo.

O perigo de incêndio, determinado pelo IPMA, tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo, e os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

O IPMA prevê para hoje no continente períodos de céu muito nublado, condições favoráveis à ocorrência de trovoada e aguaceiros, que podem ser de granizo, nas regiões Norte, Centro e Alto Alentejo, sendo mais prováveis durante a tarde e em zonas de montanha.

A previsão aponta ainda para vento fraco a moderado de oeste/noroeste, sendo por vezes forte de noroeste na faixa costeira ocidental a partir da tarde e descida da temperatura máxima, em especial no Norte e Centro.

As temperaturas mínimas vão oscilar entre os 16 graus Celsius (em Viseu) e os 20 (em Vila Real, Castelo Branco e Portalegre) e as máximas entre os 22 (em Aveiro) e os 34 (em Vila Real, Castelo Branco e Évora).

Últimas Notícias
Mais Vistos