Jogos Olímpicos

Primeiro-ministro diz que Pimenta "enche de orgulho" os portugueses

Yara Nardi

António Costa destaca esforço, entrega e trabalho do canoísta.

O primeiro-ministro, António Costa, felicitou esta terça-feira o canoísta Fernando Pimenta pela medalha de bronze em K1 1.000 metros nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020, referindo que o atleta "enche de orgulho" os portugueses.

"Parabéns ao canoísta Fernando Pimenta pela conquista da medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio2020. Uma medalha olímpica é o corolário de um longo trajeto de esforço, de entrega e muito trabalho. É um sonho concretizado que enche Portugal e os Portugueses de orgulho", refere o primeiro-ministro, numa mensagem divulgada na rede social Twitter.

Pimenta, de 31 anos, que se tinha sagrado vice-campeão olímpico em Londres 2012, em K2 1.000 metros, ao lado de Emanuel Silva, terminou a prova de K1 1.000 metros de Tóquio2020 em 3.22,478 minutos, apenas atrás dos húngaros Balint Kopasz, novo recordista olímpico, com 3.20,643, e Adam Varga (3.22,431).

Depois da estreia auspiciosa em Londres 2012, numa longa carreira que engloba 105 pódios em competições internacionais, Fernando Pimenta foi ainda quinto classificado em K1 1.000 metros e sexto em K4 1.000 metros no Rio 2016.

PIMENTA PROMETE CONTINUAR A LUTAR PELO SONHO DE SER CAMPEÃO OLÍMPICO

Em conferência de imprensa, o canoísta garante que vai continuar a trabalhar para chegar à medalha de ouro olímpica.

"Espero no próximo ciclo olímpico continuar a lutar por uma medalha, acredito que isso é possível, acredito que posso vir a ser campeão olímpico, esse é o objetivo e sonho", afirmou.

Veja também: