Vacinar Portugal

Jovens abaixo de 16 anos não vacinados têm de ter teste negativo para restaurantes e espetáculos

Podem fazer testes PCR de antigénio feitos em laboratório ou em farmácias ou autotestes.

A vacina ainda não contempla a totalidade dos jovens de 12 a 15 anos, que vão ter de continuar a apresentar um teste negativo à covid-19, se quiserem entrar, por exemplo, em restaurantes e espetáculos.

Ainda antes da decisão da Direção-Geral da Saúde, já o primeiro-ministro antecipava a possibilidade de uma alteração das regras para a entrada em vários espaços.

O Governo aguardou um dia pela decisão: a menos que haja uma doença de risco ou o aval de um médico, a vacina não é, por agora, para todos os jovens entre os 12 e os 15 anos.

Assim, vão ter de continuar a apresentar um teste negativo para entrar, por exemplo, em restaurantes ou espetáculos.

Testes PCR de antigénio feitos em laboratório ou em farmácias ou autotestes continuam a ser obrigatórios.

As três opções já eram exigidas antes da mais recente decisão da Direção-Geral da Saúde e vão manter-se, pelo menos, até que a Comissão Técnica de Vacinação decida alargar a vacina para os mais jovens.