Vacinar Portugal

Covid-19. Vacinação em "casa aberta" disponível para maiores de 18 anos

Andriy Onufriyenko

Há um novo sistema de senhas digitais.

A vacinação contra a covid-19 em modalidade "Casa Aberta" passou esta terça-feira a estar disponível para pessoas a partir dos 18 anos, anunciou a task-force que coordena a administração de vacinas.

O anúncio foi feito na sequência da decisão da Direção-Geral da Saúde de avançar para a vacinação universal de jovens entre 12 e 15 anos.

A task force que coordena o plano de vacinação refere em comunicado que, "na sequência da decisão hoje comunicada pela DGS, de vacinar universalmente os jovens entre os 12 e 15 anos, e da chegada de um reforço de vacinas ao país", a modalidade "casa aberta" é alargada aos maiores de 18, depois de na segunda-feira ter passado a incluir as pessoas com idade a partir dos 25 anos.

Nesta modalidade são vacinados os utentes elegíveis que não estejam agendados e que não tenham sido infetados com covid-19 nos últimos seis meses, com o objetivo de assegurar que todas as pessoas elegíveis são chamadas ao processo de vacinação.

Há um novo sistema de senhas digitais que passou, desde ontem, a estar disponível na "esmagadora maioria" dos centros de vacinação. O objetivo é evitar que os utentes estejam numa fila para serem vacinados.

Se quiser ser vacinado na modalidade de "Casa Aberta", pode aceder ao portal criado para o efeito e tirar uma senha no dia em que pretender ser vacinado, obrigatoriamente num centro de vacinação localizado no concelho de residência.

Na solicitação da senha digital, o utente deve ter em atenção o seguinte:

  1. Antecipadamente consultar no portal da afluência e verificar se o centro de vacinação pretendido tem o semáforo verde;
  2. Após preencher e submeter o formulário, deverá receber a sua senha digital com o respetivo número e hora prevista.
  3. As segundas doses serão sempre no local da primeira dose.

O objetivo de ter 70% da população de Portugal continental vacinada contra a covid-19, com pelo menos uma dose, foi atingido na passada sexta-feira, antes da data inicialmente prevista.

EDUARDO COSTA / LUSA

Já foram administradas, em Portugal continental, cerca de 12,1 milhões de vacinas, que permitiram vacinar, com pelo menos uma dose, mais de 6,9 milhões de pessoas, das quais à volta de 6,2 milhões já têm o esquema vacinal completo, segundo os últimos dados das autoridades de saúde.

Aludindo apenas à população com 16 ou mais anos em Portugal continental, estima-se que já cerca de 82% tenha iniciado o seu esquema vacinal, sendo que, destes, 75% já terão a vacinação completa.

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros