A vacinação em Portugal e no Mundo

O que está a ser feito na Europa para travar a pandemia

Países apostam na vacinação.

O Reino Unido começou hoje a administrar a vacina do laboratório norte-americano Moderna. É a terceira vacina autorizada no país que lidera a vacinação na Europa. Elle Taylor, 24 anos, foi a primeira cidadã britânica a ser vacinada com o composto da Moderna num hospital de Carmarthen, no País de Gales.

O Reino Unido encomendou 17 milhões de doses do fármaco que vão ajudar à campanha de vacinação que desacelerou nos últimos dias devido à diminuição do fornecimento da AstraZeneca.

Na Alemanha, dá-se mais um passo. Os médicos de família podem administrar vacinas e ajudar a alcançar a meta do governo que quer 20 milhões de pessoa inoculadas até maio.

França ultrapassou as 30 mil hospitalizações por covid-19 e há mais de 5.500 pessoas internadas nos cuidados intensivos. O governo aposta na vacinação e tem um objetivo a curto prazo.

O Governo Regional de Madrid começou a negociar a compra de doses da Sputnik V em fevereiro, apesar da Agência Europeia de Medicamentos ainda não ter aprovado o fármaco. A notícia é avançada pela imprensa espanhola.

Já a Polónia vai estender as restrições até dia 18, devido ao aumento de internamentos que coloca os hospitais sob pressão. 90% dos novos casos são da variante britânica.