A vacinação em Portugal e no Mundo

União Europeia administrou mais de 100 milhões de vacinas. ECDC acredita na meta de 70% no verão

Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças diz que a promessa é concretizável.

A presidente da Comissão Europeia foi esta quinta-feira vacinada contra a covid-19, em Bruxelas. Ursula Von der Leyen recebeu a primeira dose da Pfizer.

O anúncio foi feito pela própria, nas redes sociais, onde aproveitou para deixar uma mensagem. Aconteceu um dia depois da União Europeia ultrapassar a barreira das 100 milhões de vacinas administradas.

Já a chanceler Angela Merkel, de 66 anos, anunciou que vai receber a primeira dose da AstraZeneca esta sexta-feira. Na Alemanha, só está a ser administrada a maiores de 60.

A Dinamarca tornou-se o primeiro país a suspender totalmente a vacina anglo-sueca.

Apesar das restrições tomadas por vários países, a comunidade científica sublinha que são muito raros os casos de coágulos sanguineos associados à AstraZeneca e que os benefícios superam muito os riscos.

À conta das suspensões e atrasos nas entregas, a União Europeia está longe de cumprir a meta dos 70% de adultos vacinados até final deste verão.

Para já, menos de um quinto da população recebeu a primeira dose e só 7% fizeram as duas tomas. Ainda assim, o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças diz que a promessa é concretizável.