Mundo

Os 189 ocupantes do avião que caiu no mar na Indonésia estão "provavelmente" mortos

Willy Kurniawan/ Reuters

As 189 pessoas que se encontravam a bordo do Boeing 737 que se despenhou hoje no mar ao largo de Java, Indonésia, estão "provavelmente mortas" disse o diretor operacional dos Serviços de Emergência indonésio.

As equipas de socorro encontraram "restos humanos" no local do acidente acrescentando que é provável que os 189 ocupantes do avião que se encontravam a bordo do estejam todos mortos.


O Boeing 737 fazia a ligação entre a capital indonésia e Sumatra quando se despenhou no mar, treze minutos após a descolagem e depois de ter desaparecido do radar do aeroporto de Jacarta.


O presidente da companhia de aviação indonésia Lion Air disse que o aparelho registou problemas técnicos no último voo, mas que foram solucionados.


O presidente da companhia de baixo custo, Edward Sirait, disse que o problema técnico detetado no Boieng 737 Max 8 tinha ficado resolvido de acordo com os procedimentos recomendados pelo fabricante.


Sirait não especificou o problema técnico que ocorreu no voo anterior.


O Diretor-geral do organismo de Transportes Aéreos indonésios, afirmou que o avião que fazia a ligação entre Jacarta e Pangkal Pinang (Sumatra) pediu para regressar ao aeroporto da capital pouco depois da descolagem.

Com Lusa