Mundo

Coreia do Norte pede ajuda às Nações Unidas para combater a escassez de comida

Jorge Silva

Pyongyang estima em 2019 vão faltar 1,4 milhão de toneladas de alimentos básicos como trigo, arroz, batata e soja.

Coreia do Norte pede ajuda às Nações Unidas para combater a escassez de comida. De acordo com o porta-voz das Nações Unidas, Stéphane Dujarric, é esperado que em 2019 o país tenha uma escassez de cerca de 1,4 milhões de toneladas de alimentos básicos, como trigo, arroz, batata ou soja.

O apelo do regime norte-coreano é conhecido dias antes do segundo encontro entre Kim Jong-Un e Donald Trump em Hanói, no Vietname. Líderes vão discutir o processo de desnuclearização da Península Coreana para eventual um acordo de paz.

A ONU diz estar em contacto com as autoridades norte-coreanas para analisar o impacto da falta de alimentos na população mais vulnerável e para atuar de forma rápida para suprir as necessidades humanitárias.

Há vários anos que o país enfrenta sanções por desenvolver armas nucleares e mísseis