Mundo

Ex-Presidente do Sudão indiciado por apropriação ilegal de fundos estrangeiros

Omar el-Béchir foi destituído pelo exército a 11 de abril deste ano.

O ex-Presidente do Sudão, Omar el-Béchir, foi indiciado por apropriação ilegal de fundos estrangeiros e uso fraudulento das mesmas verbas.

As autoridades encontraram 6 milhões e 900 mil euros em casa do ex-governante e ainda 351 mil dólares e 5 milhões e 700 mil libras sudanesas.

Omar el-Béchir esteve no poder durante quase três décadas.