Mundo

Joe Biden vai encontrar-se com familiares do homem morto pela polícia em Kenosha

Joe Biden

DNCC

Jacob Blake foi atingido com 7 tiros nas costas disparados por um polícia branco, o que originou uma vaga de protestos antirracistas e confrontos na cidade.

O candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, vai encontrar-se com familiares de Jacob Blake, atingido a tiro pelas costas pela polícia, em Kenosha, no Wisconsin (norte), disse hoje um responsável da campanha à imprensa.

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, candidato à reeleição pelo Partido Republicano, que visitou Kenosha na terça-feira, não se encontrou com familiares de Blake, um negro de 29 anos atingido com sete tiros pelas costas durante uma interpelação policial a 23 de agosto.

Trump centrou-se nos agradecimentos às forças policiais pela forma como lidaram com a violência nas noites que se seguiram ao incidente com Jacob Blake.

Joe Biden tinha anunciado hoje que vai visitar Kenosha na quinta-feira, durante a qual participará numa "reunião comunitária", para "unir e sarar", e abordar os desafios que o país enfrenta.

Jacob Blake, de 29 anos, foi atingido com sete tiros nas costas disparados por um polícia branco, o que originou uma vaga de protestos antirracistas e confrontos na cidade.

Durante os distúrbios, duas pessoas foram mortas a tiro por um alegado apoiante de Trump, um adolescente de 17 anos, que foi detido e acusado de homicídio.