Mundo

Explosão na capital síria destrói autocarro e faz mais de 10 mortos

AP

Não se registavam ataques deste tipo em Damasco há pelo menos dois anos.

Pelo menos 13 pessoas morreram hoje e três ficaram feridas na explosão de duas bombas, colocadas num autocarro do exército sírio, quando circulava no centro de Damasco, onde não se registavam ataques deste tipo há dois anos.

Os dois engenhos explosivos deflagraram ao início da manhã, quando um veículo militar atravessava a ponte de Al Raes, em pleno centro da capital síria.

A Syrian Arab News Agency (SANA) revela que foi encontrado um terceiro dispositivo que foi desativado.

A mesma agência de notícias publicou um vídeo no YouTube onde é possível ver o estado em que ficou o autocarro.

8 mortos em bombardeamentos do exército em Idleb

Na região de Idleb, no noroeste do país, controlada por rebeldes, pelo menos oito pessoas, incluindo cinco civis, morreram hoje em bombardeamentos do exército, indicou uma organização não governamental (ONG).

O exército atacou um bairro da cidade de Ariba, de acordo com o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Veja também: