Mundo

Esfaqueamento no Canadá: três províncias em alerta máximo com suspeitos ainda em fuga

Loading...
Dez pessoas morreram e pelo menos 15 ficaram feridas.

Uma vasta área do Canadá permanece em alerta máximo enquanto as autoridades tentam localizar os dois suspeitos das mortes por esfaqueamento.

10 pessoas morreram e pelo menos 15 ficaram feridas. Os suspeitos continuam a monte.

Damien e Myles Sanderson são os principais suspeitos dos crimes que colocaram em alerta máximo uma vasta região do Canadá, onde caberia quase metade do continente europeu. No entanto, os crimes concentraram-se em duas pequenas comunidades indígenas localizadas numa das 10 províncias canadianas.

Apesar de partilharem o mesmo apelido, a polícia canadiana diz não saber se os dois suspeitos estão ligados por laços familiares.

O primeiro ataque aconteceu na madrugada de domingo. Ao todo, a polícia canadiana identificou 13 locais onde ocorreram crimes.

Além das mortes, os ataques provocaram mais de uma dezena de feridos.

Últimas Notícias
Mais Vistos