Mundo

Sonda da NASA colide com asteroide para evitar futuras ameaças

Sonda da NASA colide com asteroide para evitar futuras ameaças
JIM WATSON
Missão Dart foi bem sucedida.

A possibilidade de um asteroide – como o que destruiu os dinossauros – voltar a atingir a Terra levou os cientistas a pensar numa solução para salvar a humanidade. Esta segunda-feira, foi levado a cabo o primeiro teste para desviar um asteroide.

A colisão ocorreu a 9,6 milhões de quilómetros de distância da Terra com a sonda chamada Dart. Os cientistas esperavam que o impacto formasse uma cratera e alterasse a órbita do asteroide.

“Temos choque”, anunciou Elena Adams, uma das responsáveis pela missão.

Vários telescópios apontaram para o mesmo ponto no céu para capturar o espetáculo. Embora o impacto tenha sido imediatamente óbvio, levará dias ou até semanas para determinar se a rota do asteroide foi alterada.

Foi a primeira primeira missão de defesa planetária da Terra. Em outubro de 2024, a Agência Espacial Europeia (ESA) deverá lançar a missão Hera, que só em 2026 irá ver de perto e com maior precisão as consequências deste impacto. Essa missão conta com a colaboração de cientistas portugueses.

Últimas Notícias