Mundo

Após problemas em todo o mundo, WhatsApp começa a ser restabelecido

Após problemas em todo o mundo, WhatsApp começa a ser restabelecido
DADO RUVIC

A aplicação, que permite enviar mensagens através da internet, conta com dois mil milhões de utilizadores.

Milhares de utilizadores reportaram esta terça-feira falhas na utilização do WhatsApp. De acordo com o site Downdetector, que monitoriza em tempo real a atividade de centenas de serviços, a madrugada e início da manhã foi marcada por problemas no envio de mensagens e no acesso à aplicação móvel. A empresa Meta, que gere a plataforma, informou que o problema seria resolvido com a máxima brevidade e, de seguida, o serviço começou a ser restabelecido.

Segundo a agência noticiosa espanhola EFE, embora ainda lenta, a recuperação da aplicação começou a ser visível por volta das 10:00 (hora de Lisboa) nas páginas web que monitorizam em tempo real o funcionamento das principais redes sociais, serviços telefónicos e serviços de Internet.

Neste momento, a maioria dos utilizadores já pode enviar e receber mensagens e também verificar, através do duplo 'tick' azul, que as suas mensagens foram lidas pelo destinatário.

A recuperação dos serviços do WhatsApp está, contudo, a ser mais lenta no caso dos utilizadores que utilizam a aplicação em computadores e tablets.

Ao início da manhã, numa informação publicada no Twitter, o Downdetector avançou a hora a que as falhas tiveram início e deixou um apelo à divulgação da mensagem a quem tivesse problemas na utilização do WhatsApp.

Os problemas no serviço WhatsApp, um dos sistemas de mensagens mais populares em todo o mundo, foram comunicadas também através de redes sociais, indica a agência espanhola Efe, que consultou as entidades de monitorização.

As perturbações na aplicação de mensagens WhatsApp tiveram início em esta madrugada, confirmaram vários portais que fazem a monitorização em tempo real do funcionamento das redes sociais.


Oficialmente, a empresa Meta, que comprou o sistema WhatsApp em 2014, informou que a companhia teve "conhecimento de que algumas pessoas estão a enfrentar problemas no envio de mensagens" e que o serviço seria reposto o mais rápido possível. O que aconteceu de facto pouco depois, sem haver nenhuma explicação oficial para o sucedido.


O Downdetector registou trinta mil ocorrências em todo o mundo e referem-se a problemas no envio de mensagens (75%) e funcionamento normal da aplicação (19%).


A aplicação WhatsApp, que conta com dois mil milhões de utilizadores em todo o mundo, permite enviar mensagens através da rede de internet tendo substituído os serviços tradicionais de mensagens de telefone móvel (SMS).

Últimas Notícias
Mais Vistos