País

Professora confessa ter morto marido após negar crime em Abrantes

Professora do 1.º ciclo do ensino especial começou por invocar um assalto, mas não convenceu a PJ de Leiria e acabou por admitir ter assassinado o marido de 51 anos, em Abrantes

Margarida Rolo, de 43 anos, está em prisão preventiva desde setembro do ano passado, no estabelecimento prisional de Tires.

Esta sexta-feira começa o julgamento no tribunal de Santarém onde vai responder por um crime de homicídio qualificado.

  • 2:23