País

Professora confessa ter morto marido após negar crime em Abrantes

Professora confessa ter morto marido após negar crime em Abrantes

Professora do 1.º ciclo do ensino especial começou por invocar um assalto, mas não convenceu a PJ de Leiria e acabou por admitir ter assassinado o marido de 51 anos, em Abrantes

Margarida Rolo, de 43 anos, está em prisão preventiva desde setembro do ano passado, no estabelecimento prisional de Tires.

Esta sexta-feira começa o julgamento no tribunal de Santarém onde vai responder por um crime de homicídio qualificado.

  • Pró-democratas e cidadãos a favor do governo entram em confronto em Hong Kong
    1:11
  • Saiba quais são os medicamentos que contêm ranitidina
    0:53