País

"Caos" nas maternidades do norte do país, denunciam diretores

Falta de médicos ameaça funcionamento nos meses de verão.

A falta de médicos está a ameaçar o funcionamento das maternidades do norte do país nos meses de verão.

A denúncia é de 13 diretores do serviço de obstetrícia, proibidos de contratar, numa altura em que muitos profissionais estão a optar por trabalhar no privado ou no estrangeiro.

Os clínicos vão escrever à ministra da Saúde para exigir soluções.