País

Moradores do prédio Coutinho queixam-se de injustiça e perseguição camarária

Moradores do prédio Coutinho queixam-se de injustiça e perseguição camarária

Terminou esta segunda-feira o prazo para a desocupação voluntária do prédio em Viana do Castelo.

O prazo de desocupação voluntária do edíficio jardim, conhecido como prédio Coutinho, em Viana do Castelo, terminou etsa segunda-feira.

Os últimos moradores passaram o dia no edifício e recusam-se a entregar as chaves. Alguns deles avançaram para tribunal com este caso, que dura há vários anos.

  • Nunca houve tanta falta de medicamentos nas farmácias portuguesas
    2:16
  • Cepas da Serra
    10:16
  • "À descoberta com..." Inês Castel-Branco na Tailândia 
    3:14