País

Pai e madrasta de Valentina estiveram na casa onde a criança terá sido morta

O pai e a madrasta da criança estiveram ao final da tarde deste domingo com a Polícia Judiciária na casa onde moravam e onde Valentina terá sido morta.

Cinco horas depois de ter sido detido, o pai da criança foi o primeiro a ir ao local onde supostamente Valentina terá sido morta na passada quarta-feira, acompanhado pela Polícia Judiciária. Depois foi a vez da madrasta ir à casa onde viviam.

  • "Quando cheguei ao hospital estava a ter um enfarte"

    Olhar pela Saúde

    Anos a fio de uma alimentação à base de gorduras e excesso de sal, tabagismo e sedentarismo fizeram com que José Santos fosse parar a uma cama de hospital aos 48 anos. O diagnóstico: enfarte agudo do miocárdio provocado por colesterol elevado e hipertensão arterial. Vários hábitos tiveram de mudar e as idas ao médico passaram a ser mais frequentes.

    Exclusivo Online

    Bárbara Ferreira