País

Trabalhadores fazem grandes deslocações para passarem nos pontos de fronteira autorizados

Situação está a condicionar a vida de muitas localidades que ficam distantes dos nove pontos de passagem autorizada.

Se tudo correr como previsto, as fronteiras terrestres com Espanha deverão reabrir a 1 de julho, três meses e meio depois de terem encerrado.

O comércio de muitas localidades, que depende dos espanhóis, está estagnado e há muitos trabalhadores transfronteiriços a fazer grandes deslocações para passarem nas únicas fronteiras autorizadas, tal como acontece com o trânsito de mercadorias.

  • 2:34