País

Fabrico de máscaras não está a ser suficiente para salvar os têxteis portugueses

O mercado nacional é pequeno e restantes países da UE têm critérios de certificação diferentes.

A produção de máscaras não está a ser suficiente para salvar as empresas têxteis portuguesas.

As associações estão preocupadas com o futuro do setor, uma vez que o mercado nacional está saturado e a Europa coloca entraves na certificação necessária para a exportação das máscaras.

VEJA MAIS NO ESPECIAL NOVO CORONAVÍRUS

As notícias mais recentes em https://sicnoticias.pt/ultimas