País

"É só lixo acumulado". Mais 16 animais resgatados da casa da dona dos abrigos de Santo Tirso

"É só lixo acumulado". Mais 16 animais resgatados da casa da dona dos abrigos de Santo Tirso

Rita Rogado

Rita Rogado

Jornalista

Carlos Morais

Carlos Morais

Repórter de Imagem

David Alves

David Alves

Editor de Imagem

Uma voluntária de uma associação que esteve no interior da casa relatou um "cenário terrível", com pulgas e lixo acumulado.

Na segunda-feira à noite, foram retirados 16 animais da casa da dona do abrigo de Santo Tirso, onde morreram dezenas de animais durante o incêndio deste fim-de-semana.

Quatro cães e 12 gatos apresentavam sinais de maus-tratos.

Cerca de 200 pessoas mantiveram-se durante toda a tarde junto à casa da proprietária dos abrigos a pedir para os animais serem resgatados.

À SIC, uma voluntária de uma associação relatou um "cenário terrível" no interior da casa, com pulgas e lixo acumulado. Disse ainda que a proprietária da casa parecia uma pessoa "instável".

Já o veterinário municipal de Valongo contou que houve fiscalizações ao longo dos anos e que a mulher voltou a acumular animais em más condições.

Durante a tarde, também já tinham sido resgatados outros 16 animais de uma casa devoluta nas proximidades. Terão sido colocados no espaço pela mesma pessoa, a proprietária do abrigo que ardeu em Santo Tirso.

Os animais foram todos para famílias de acolhimento ou associações.

Incêndio no canil de Santo Tirso. Associações acolheram animais sobreviventes

O ministro da Administração Interna vai pedir explicações à GNR e à Protecção Civil sobre o que aconteceu no incêndio que atingiu um canil em Santo Tirso onde morreram dezenas de animais.

Os sobreviventes foram acolhidos por diversas associações, que já começaram a receber donativos para ajudar na recuperação dos animais.