País

Rui Rio transformou-se num "perigoso fascista"? É "marketing político"

Presidente do CDS falava sobre a polémica relacionada com o acordo PSD-Chega! nos Açores.

O presidente do CDS, Francisco Rodrigues dos Santos, considerou que o partido conseguiu um resultado histórico nos Açores ao entrar para o governo através do acordo feito com o PSD e o PPM.

Francisco Rodrigues dos Santos sublinhou que continua a ser o "parceiro preferencial" dos sociais democratas.

O líder do CDS saiu mesmo em defesa de Rui Rio e deixou criticas à postura do Chega.

"Querem convencer que ao final de 30 anos de serviço público que Rui Rio, até aqui centrista muito mais à esquerda do que à direita, se transformou num perigoso fascista? Isto é marketing político", afirmou.

Veja também:

  • Não estou de acordo

    Opinião

    Não estou de acordo com métodos medievais para enfrentar uma pandemia. Se os vírus evoluíram, a organização da sociedade também deveria ter evoluído o suficiente para os combater de outra forma. O recolher obrigatório é próprio dos tempos obscuros e das sociedades não democráticas. Proibir as pessoas de circular na rua asfixia a economia e não elimina a pandemia.

    José Gomes Ferreira