País

Luís Portela deixa a liderança da farmacêutica Bial ao fim de 48 anos

Vai agora dedicar-se à família, aos livros e à Fundação que criou para apoiar a investigação científica.

Depois de quatro décadas a liderar a maior farmacêutica portuguesa, Luís Portela deixou o conselho de administração da Bial.

Vai agora dedicar-se à família, aos livros e à Fundação que criou para apoiar a investigação científica.