País

Polícia Judiciária investiga várias queixas de tráfico de pessoas em Odemira

Há redes que envolvem trabalhadores imigrantes alegadamente explorados e enganados.

As questões sanitárias em Odemira puseram a descoberto um problema que dura há anos e que está relacionado com a legalidade do fluxo de migrantes para trabalhos agrícolas no concelho.

A situação vai além da insalubridade habitacional. Em causa poderão estar esquemas de imigração ilegal e tráfico de seres humanos.

A Polícia Judiciária está a investigar várias queixas de tráfico de pessoas. Há redes que envolvem trabalhadores imigrantes alegadamente explorados e enganados.

A confirmarem-se estas suspeitas, constituem uma violação grave dos direitos humanos.

Veja também: