País

Postos de praia fechados no Algarve. Enfermeiros dizem-se exaustos para dar resposta 

Sindicato diz que enfermeiros estão no limite e que os postos não são prioridade.

Os enfermeiros algarvios dizem que não conseguem garantir o funcionamento dos postos nas praias.

O sindicato diz que os profissionais já se desdobram, muitas vezes sem folgar, entre o atendimento covid, a vacinação e os centros de saúde, e que não conseguem garantir mais este serviço.

Durante o verão, eram mais de 30 postos a operar em toda a costa algarvia. Este ano, abriram até agora apenas sete.

A Administração Regional de Saúde pediu que os enfermeiros encontrassem tempo para garantir o funcionamento de todos. Mas tempo é o que parece faltar a quem enfrenta a pandemia. O sindicato recorda que o esforço dos profissionais dura há ano e meio.