País

Incêndio em Alvaiázere: três famílias desalojadas e um bombeiro ferido

Incêndio em Alvaiázere: três famílias desalojadas e um bombeiro ferido
PATRICIA DE MELO MOREIRA

O autarca adianta que a “situação está mais calma”, mas que os “estragos são muitos”.

O incêndio que tem estado a atingir Alvaiázere desde quinta-feira destruiu três casas de primeira habitação e provocou ferimentos num bombeiro da corporação daquele concelho do distrito de Leiria, disse à agência Lusa o presidente da Câmara.

João Paulo Guerreiro adiantou, pelas 11:30, que a “situação está mais calma”, mas que os “estragos são muitos”.

“Estamos a fazer o levantamento dos danos, além de controlar os reacendimentos. Tivemos de retirar cerca de 50 pessoas, que começam a regressar às suas habitações à medida que há segurança”, adiantou o autarca.

João Paulo Guerreiro lamentou ainda o registo de um bombeiro ferido.

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Alvaiázere, Bruno Gomes, confirmou que durante uma manobra de combate ao fogo um operacional sofreu uma fratura no fémur e que está hospitalizado.

“Ainda temos muitas reativações e sete quilómetros a arder”, acrescentou o comandante.

Fonte do Centro Hospitalar de Leiria informou a Lusa que o Serviço de Urgência do Hospital de Santo André recebeu nos últimos dias 10 feridos devido aos incêndios.

O fogo em Alvaiázere, que se reacendeu na terça-feira, resulta de um incêndio no concelho de Ourém, no distrito de Santarém, que deflagrou na quinta-feira, pelas 16:37.

Segundo o sítio na Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, às 12:20, o incêndio estava classificado como em resolução e estavam no local 413 operacionais, apoiados por 132 viaturas.

Últimas Notícias
Mais Vistos