País

Grávida morre após transferência por falta de vaga no Hospital Santa Maria

(Arquivo)
(Arquivo)
NUNO VEIGA / LUSA
A mulher sofreu uma paragem cardiorrespiratória quando estava a ser transportada para o Hospital Francisco Xavier.

Uma grávida de nacionalidade indiana morreu, na passada terça-feira, no hospital Francisco Xavier. A mulher foi às urgências do Hospital Santa Maria apresentando dificuldade respiratória e tensão alta, mas, após melhoria, foi transportada para o Francisco Xavier. Durante a viagem sofreu uma paragem cardiorrespiratória.

A mulher - que estaria com cerca de 30 semanas de gravidez - deu entrada nas urgências do hospital Santa Maria, em Lisboa, por volta das 02:00 de 23 de agosto. Segundo o comunicado enviado pelo Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte (CHULN), “recorreu à urgência por dificuldade respiratória e tensões arteriais altas”.

“Após normalização das tensões arteriais e franca melhoria respiratória, foi transferida cerca das 13:00 do mesmo dia para o Hospital São Francisco Xavier, por ausência circunstancial de vagas de neonatologia no CHULN”, avança o hospital, sublinhando que, durante a transferência, grávida foi “acompanhada por um médico e enfermeiros”.

No entanto, durante a viagem a mulher entrou em paragem cardiorrespiratória. “À chegada ao Hospital S. Francisco Xavier foi submetida a uma cesariana urgente”, tendo o recém-nascido sido internado na “unidade de cuidados intensivos neonatais por prematuridade”

“A mãe ficou internada nos cuidados intensivos, vindo a falecer”, avança o CHULN, lamentando o falecimento e “endereçando à família as mais sentidas condolências”.

O CHLULN destaca que “a gestão em rede das vagas de neonatologia é prática corrente há vários anos, sendo o transporte intrauterino de grávidas estabilizadas a prática recomendada por todas as instituições internacionais”.

Devido aos sucessivos relatos de falta de obstetras nas urgências de vários hospitais, o hospital ressalva que a “equipa de urgência de Obstetrícia e Ginecologia do CHULN encontrava-se completa” naquele dia.

Últimas Notícias
Mais Vistos