País

PAN diz que demissão de Marta Temido era "inevitável" mas não é a solução

Loading...
Para o partido, os problemas do SNS residem na falta de políticas, de investimento e de valorização dos profissionais.

O PAN disse esta terça-feira que a demissão da ministra da Saúde, Marta Temido, era inevitável.

A porta voz do partido, Inês Sousa Real, sublinha que Marta Temido estava fragilizada, pelos vários problemas que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) tem enfrentado nos últimos meses.

“Parece-nos, de alguma forma, a consequência política daquilo que é o estado do Serviço Nacional de Saúde. Acabaria por ser inevitável”, disse.

Não queremos com isto dizer que a solução para os problemas do SNS estejam na demissão de Marta Temido. Muito pelo contrário. O problema reside na falta de políticas e de investimento no SNS e na valorização dos seus profissionais.

Últimas Notícias
Mais Vistos