País

Helicóptero de combate a incêndios cai em Amares

Helicóptero de combate a incêndios cai em Amares
SIC
Piloto foi transportado para o Hospital de Braga. O homem de 53 anos está em “estado grave” mas não corre risco de vida.

Um helicóptero de combate a incêndios despenhou-se, esta quinta-feira, em Amares, no distrito de Braga. O piloto da aeronave “encontra-se em estado grave e a caminho do Hospital de Braga, não correndo risco de vida”, segundo a Proteção Civil.

Em declarações à agência Lusa, o comandante Pedro Araújo, da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEP), explicou que, neste momento, o piloto “está fora de perigo de vida”, sublinhando, no entanto, tratar-se “de um ferido grave, com várias lesões e fraturas, nomeadamente ao nível dos membros inferiores e da zona pélvica”.

Helicóptero combatia incêndio no concelho de Amares

Foram mobilizados para o local, pelo menos, 27 operacionais apoiados por oito viaturas, de acordo com o site da Proteção Civil consultado às 20:00.

O aparelho trata-se de um Bell 412, operado pela Helibravo e sediado nos Arcos de Valdevez, distrito de Viana do Castelo, e que o acidente aconteceu "após a última largada do dia" e depois de "embater num cabo de muito alta tensão".

Em comunicado entretanto divulgado, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEP) refere que "o alerta foi dado pelas 19:25", acrescentando que "foram de imediato mobilizados meios de socorro para o local".

O incêndio que lavra em Amares está a ser combatido por 45 operacionais, apoiados por 13 viaturas.

Últimas Notícias
Mais Vistos