País

Calendário de 2023: os fins de semana prolongados e as possíveis pontes

Calendário de 2023: os fins de semana prolongados e as possíveis pontes
Canva
O ano está a chegar ao fim, mas ainda tem férias para gozar? Quer agendar a escapadinha do próximo ano? Aponte na agenda os feriados e pontes que chegam com 2023.

O primeiro dia do ano, 1 de janeiro, é feriado, mas não calha lá muito bem, é um domingo. Terá de esperar pelo mês seguinte, mais concretamente pelo Carnaval (mas atenção, não é feriado nacional) para uma pausa. Na comparação com 2022, as diferenças não são muitas. Se perde pontes ou fins de semana prolongados num mês, ganha no seguinte. Mas vamos por meses.

Depois do Carnaval, que em 2023 se assinala na terça-feira 21 de fevereiro, a Páscoa só chega no início de abril, com a celebração da Sexta-Feira Santa no dia 7. E anime-se porque em abril pode fazer ponte no Dia da Liberdade, no próximo ano é terça-feira. E... três dias depois, mais um feriado: o 1 de Maio, uma segunda-feira.

E que melhor forma de se despedir da primavera de 2023, se não com três semanas com três feriados? No início de junho pode partir para umas miniférias e, se trabalhar em Lisboa, pode mesmo desfrutar de seis dias de descanso - bastando para tal marcar dois dias de folga ou de férias.

Como é possível? Dia 8 de junho, quinta-feira, celebra-se o Corpo de Deus (feriado móvel) e, apesar de o 10 de Junho calhar num sábado, dia 13, feriado de S. António, é uma terça-feira. Menos sorte terão, no próximo ano, os portuenses porque o feriado de S. João, dia 24, é um sábado.

Se junho termina de "barriga cheia", depois será preciso esperar por agosto, mas vai valer a pena porque poderá fazer nova ponte. O dia de Assunção de Nossa Senhora, 15 de agosto, é uma terça-feira.

Regressado das férias e já com os miúdos na escola, outubro traz um "rebuçadinho". O feriado da Implantação da República, dia 5, calha numa quinta-feira e pode dar direito a quatro dias de descanso.

Quatro semanas depois, mais um feriado: o Dia de Todos-os-Santos, que se assinala a 1 de novembro (quarta-feira).

E porque o melhor fica para o fim, dezembro terá três fins de semana prolongados. Os feriados de 1 e 8 são sexta-feira, dias que pode aproveitar para as compras de Natal.

Por falar em Natal, 2023 traz um presente especial: dia 25 é uma segunda-feira. E, para se despedir do ano e entrar em grande em 2024, o que diz a começar o novo ano com um feriado a uma segunda?

Calendário para 2023:

Janeiro

  • 1 de janeiro - Ano Novo, domingo;

Fevereiro

  • 21 de fevereiro - terça-feira, dia de Carnaval, não é um feriado obrigatório

Abril

  • 7 e 9 de abril - Sexta-Feira Santa e Páscoa feriados obrigatórios;
  • 25 de abril - Dia da Liberdade, terça-feira;

Maio

  • 1 de maio - Dia do Trabalhador, segunda-feira;

Junho

  • 8 de junho - Corpo de Deus, quinta-feira;
  • 10 de junho - Dia de Portugal, sábado;
  • 13 de junho - Dia de S. António, feriado Lisboa, terça-feira;
  • 24 de junho - Dia de S. João, sábado, feriado Porto;

Agosto

  • 15 de agosto - feriado da Assunção de Nossa Senhora, terça-feira;

Outubro

  • 5 de outubro - Dia da Implantação da República, quinta-feira;

Novembro

  • 1 de novembro - Dia de Todos-Os-Santos, quarta-feira;

Dezembro

  • 1 de dezembro - feriado da Restauração da Independência, sexta-feira;
  • 8 de dezembro - Dia da Imaculada Conceição, sexta-feira;
  • 25 de dezembro - Dia de Natal, segunda-feira;
Últimas Notícias