Primeiro Jornal

Comerciantes de Reguengos de Monsaraz falam em "catástrofe" financeira

Surto que surgiu em lar afastou a população das ruas.

Após os três meses de confinamento obrigatório, implementado enquanto o estado de emergência estava em vigor, a região de Reguengos de Monsaraz viu-se obrigada a conter as medidas de desconfinamento devido ao surto de Covid-19 que surgiu num lar da cidade.

Os comerciantes dizem que este retrocesso foi "catástrofe" para os negócios que começavam a recuperar.

Cerca de um mês após a deteção do primeiro caso, numa utente do lar da Fundação de Reguengos de Monsaraz, o surto parece estar a ficar finalmente controlado.

Actualmente existem 122 casos ativos no concelho, há 9 dias consecutivos que não existem novas infecções. 17 pessoas morreram vítimas da Covid-19.

Veja também: