Reportagem Especial

"Antes que a morte nos separe"

Este sábado, no Jornal da Noite

"Antes que a morte nos separe"

A violência doméstica é um crime público e tem sido muito discutido, mas continua a ser pouco compreendido e a fazer vítimas. Só este ano, já foram assassinadas 13 mulheres, 1 criança e 1 homem.

Apresentamos 3 testemunhos de mulheres que dão rosto e voz à violência. Casos que ajudam a perceber as razões porque há quem viva anos a fio numa relação baseada em agressões físicas e psicológicas.

Estas mulheres alertam também para a urgência que as crianças que assistem a violência sejam consideradas vítimas diretas, e provam que a justiça também pode ter mão pesada nestes processos.

A consciência social estará, de facto, a mudar?

"Antes que a morte nos separe". Reportagem Especial, amanhã, no Jornal da Noite.