Cultura

Concertos nacionais e internacionais estão a ser remarcados para 2022

Um grupo de trabalho foi criado para que os concertos e festivais cumpram as regras e mantenham as datas previstas.

Os concertos de artistas nacionais e internacionais estão a ser adiados, cancelados ou reagendados para 2022. Foi criado um grupo de trabalho entre associações de espetáculos e o Governo para que os festivais e concertos cumpram as regras e mantenham as datas previstas.

Os canadianos The Weeknd param em Portugal em outubro do próximo ano numa digressão mundial que estava planeada para 2020. Já Harry Styles subia ao palco da Altice Arena no próximo dia 16, mas o concerto foi adiado. Também o mesmo aconteceu aos espetáculos de Melanie C e dos Irish Celtic já remarcados para 2022.

Outros concertos foram mesmo cancelados: como o dos australianos Nick Cave & The Bad Seed, que estava marcado para 24 de maio, e o da banda inglesa The 1975.

Os Xutos e Pontapés, Diogo Piçarra e Bárbara Bandeira são alguns dos artistas nacionais que viram os concertos reagendados para este ano.

Está a ser feito um esforço conjunto para que os concertos e festivais de verão se mantenham nas datas previstas. A venda de bilhetes em 2020 teve uma quebra de 80% e, com o novo confinamento nos primeiros meses deste ano, o cenário no mundo da música é incerto.

  • 3:26