Desporto

Tenista Caroline Wozniacki acusa adversária de fingir lesão no Open da Austrália

Caroline Wozniacki

Hannah Mckay

Em causa está o pedido da tenista ucranina Dayana Yastremska por tratamento médico durante um set.

A tenista Caroline Wozniacki acusou a sua oponente da segunda ronda do Open da Austrália, Dayana Yastremska, de fingir uma lesão durante um set.

A tenista dinamarquesa estava a liderar, 7-5 5-4, depois de conseguir recuperar no segundo set, quando a sua oponente pediu uma pausa para receber tratamento médico.

"Obviamente, ela tentou quebrar o meu ritmo", disse Caroline Wozniacki, citada pela CNN, na conferência de imprensa após a vitória por 7-5 frente a Dayana Yastremska.

"Aos 5-4, não me parecia que havia algo de errado, ela estava a correr bem. Foi um truque que já tinha usado antes, e eu sabia que ia fazê-lo outra vez."

Dayana Yastremska recebe tratamento

Dayana Yastremska recebe tratamento

Hannah Mckay

Durante o torneio internacional de Brisbane, no início do mês, a tenista Kiki Bertens foi questionada sobre a pausa pedida por Dayana Yastremska durante uma das rondas. "Bem, eu joguei contra ela três vezes e nas três vezes isto aconteceu. Esta é a minha resposta."

O mesmo aconteceu no Open da Tailândia do ano passado, quando Dayana Yastremska pediu uma pausa médica durante um set contra a australiana Ajla Tomljanovic.

De acordo com os regulamentos da Associação de Ténis Feminino, é permitido que as jogadoras peçam tratamento no court, se estiverem a sofrer de uma condição médica não aguda, como cãibras musculares. Contudo, a regulação diz também que a conduta antidesportiva deve ser castigada.