Desporto

Exclusivo. Cláusula de rescisão de Corona vai descer para 20 milhões de euros

AFP

Valor da cláusula desce a cada ano que o FC Porto não vende o jogador.

Jesús "Tecatito" Corona pode deixar o FC Porto se receber uma proposta de 20 milhões de euros a partir de maio de 2021.

O Jogo Aberto sabe que na última renovação de contrato, em 2019, foi colocada uma alínea que determina que o valor da cláusula de rescisão desce de ano para ano, caso os "azuis e brancos" não transfiram o jogador.

Em 2019 a cláusula de Jesús Corona era de 50 milhões de euros, passando para 30 milhões em 2020 e, em maio de 2021, passará para 20 milhões de euros.

O Jogo Aberto sabe ainda que Corona e a maioria dos atletas do plantel portista têm uma outra alínea no contrato que faz subir os valores das cláusulas de rescisão em 50% nos meses de julho e agosto, o que significa que Corona só poderá sair por 20 milhões entre maio e junho, uma vez que em julho e agosto a cláusula sobe novamente para os 30 milhões de euros.

  • A escola como uma gigantesca perda de tempo

    País

    Pode ser Eva. Fez um teste de Geografia e foi a única da turma a ter negativa. Dos seus olhos formosos e inexpressivos, num rosto negro como o touro do Herberto Helder, ruíram-lhe duas lágrimas. Mas daquelas que represam tanta água - tanta mágoa - que deixam cicatrizes aquosas. 43%.

    Opinião

    Rui Correia