Desporto

Transferência de João Mário. Inter Milão acusa Sporting de faltar à verdade 

TANIA PAULO

O Sporting vai levar a tribunal a transferência de João Mário para o Benfica.

O Inter Milão acusa o Sporting de faltar à verdade e promete defender a sua imagem, no caso da rescisão com o médio João Mário, que assinou pelo Benfica.

Esta terça-feira, o clube de Alvalade considerou que a ida do médio para o Benfica é um "caso de incumprimento".

"É convicção do Conselho de Administração da Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD que foi usado um expediente para que o Inter e o jogador João Mário se procurassem eximir ao que contrataram com a Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD em 2016", refere o clube em comunicado.

Na mesma nota, o Sporting lembra que em 2016, aquando da transferência do médio para o clube italiano, que o jogador e o Inter se comprometeram a efetuar um pagamento adicional de 30 milhões de euros, caso o jogador viesse a ser inscrito por clubes portugueses, entre os quais o Benfica.

Perante o comunicado do Sporting, o clube italiano reagiu com um comunicado divulgado no site oficial.

"O Inter Milão tomou conhecimento do comunicado lançado pelo Sporting Clube de Portugal. Os comentários são inaceitáveis, muito sérios e - mais importante - sem qualquer base na verdade. O clube vai proteger a sua imagem e reputação nos locais relevantes."