Economia

Turismo do Algarve teme que fecho da base da Ryanair seja apenas o início

Turismo do Algarve teme que fecho da base da Ryanair seja apenas o início

Hoteleiros e empresários do turismo temem que, depois da base de Faro, desapareçam os voos daquela que é a principal companhia aérea a voar para a região sul do país

Funcionários foram ontem avisados em plenário da decisão da companhia low cost que prevê ainda o despedimento de cerca de 100 trabalhadores