Coronavírus

Confirmado segundo caso de coronavírus no Porto

JOSÉ SENA GOULÃO

Os dois homens estiveram recentemente em Itália e Espanha.

Especial Coronavírus

O caso de coronavírus no Hospital de São João que estava à espera de validação do Instituto Ricardo Jorge foi esta segunda-feira confirmado.

Trata-se de um homem de 33 anos que esteve em Espanha por motivos profissionais.

O primeiro caso confirmado em Portugal é um paciente de 60 anos, médico, que esteve de férias no norte de Itália.

Segundo a ministra da Saúde, Marta Temido, os dois homens, que estão internados no Porto, estão em boa condição de saúde.

Costa garante que SNS está preparado para "o pior cenário"

"Não se deve entrar em alarmismos" pede Presidente da República

20 funcionários da Póvoa de Varzim isolados por terem tido contato com Luís Sepúlveda

A mulher do escritor Luís Sepúlveda não está infetada com coronavírus. Carmen Yañez também estava internada com sintomas gripais, mas as análises deram negativo. O escritor chileno continua internado num hospital em Gijón em estado grave, mas estável.

Na Póvoa de Varzim, onde Sepúlveda esteve seis dias, cerca de 20 pessoas estão em isolamento. A Porto Editora tem também quatro funcionários em quarentena.

Comissão Europeia eleva risco de coronavírus para elevado

A Comissão Europeia decidiu elevar o risco de coronavirus de moderado para elevado, num altura em que a infecção continua a propagar-se e o número de infectados já chegou aos 89 mil.

Os números do coronavírus

O surto de Covid-19, detetado em dezembro, na China, e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou pelo menos 2.980 mortos e infetou mais de 87 mil pessoas, de acordo com dados reportados por 60 países.

Das pessoas infetadas, mais de 41 mil recuperaram.

Além de 2.873 mortos na China, há registo de vítimas mortais no Irão, Itália, Coreia do Sul, Japão, França, Taiwan, Austrália, Tailândia, Estados Unidos da América e Filipinas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o surto de Covid-19 como uma emergência de saúde pública internacional e aumentou o risco para "muito elevado".

Veja também:

  • 17:19