Coronavírus

Governo suspende voos para todo o território italiano

Rafael Marchante

Medida em vigor pelo menos até 24 de março.

Especial Coronavírus

O Governo anunciou esta terça-feira a suspensão de todos os voos, com origem ou destino em Itália.

Numa nota enviada às redações, o Executivo explica que estendeu a suspensão "(...) a todas as regiões de Itália a partir das 00h00 de 11 de março e pelo mesmo período de 14 dias", depois de ontem ter anunciado a suspensão apenas para as zonas de Emiglia Romagna, Piedmont, Lombardia e Veneto, as mais afetadas pelo surto do novo coronavírus.

O despcho não é aplicado a aeronaves do Estado, voos para transporte excluviso de carga e correio nem a voos de caráter humanitário ou de emergência médica.

ACOMPANHE AQUI AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES AO MINUTO

Leia abaixo o comunicado na íntegra:

"O Governo emitiu ontem um despacho, assinado pelo secretário de Estado Adjunto e das Comunicações, decidindo a suspensão a partir das 15horas de dia 10 de março de todos os voos de todas as companhias aéreas, comerciais ou privados, com origem ou destino para as regiões de Itália afetadas pela epidemia, com destino ou partida dos aeroportos ou aeródromos portugueses, pelo período de 14 dias. As zonas são Emiglia Romagna, Piedmont, Lombardia e Veneto.

A monitorização constante da evolução da epidemia e perante a decisão de Itália de colocar todo o país de quarentena, foi decidido alargar esta medida, com um novo despacho a estender esta suspensão a todas as regiões de Itália a partir das 00h00 de 11 de março e pelo mesmo período de 14 dias. (24 de março).

Os despachos não são aplicáveis a aeronaves do Estado, voos para transporte exclusivo de carga e correio, bem como a voos de caráter humanitário ou de emergência médica e a escalas técnicas para fins não comerciais.

Trata-se de uma medida de prevenção e em nome da protecção da saúde pública."

Veja também: