Coronavírus

Bélgica regista primeira morte de um doente de Covid-19

Stoyan Nenov

O paciente tinha 90 anos.

Especial Coronavírus

A ministro da Saúde belga anunciou, esta quarta-feira, a morte do primeiro doente infetado pelo novo coronavírus no país. Trata-se de um paciente que tinha 90 anos, avança a Reuters.

Segundo o Ministério da Saúde belga, "não existe um aumento exponencial do número de casos" no país, com os dados mais recentes, atualizados na terça-feira a meio do dia, a darem conta de um total de 267 infeções detetadas.

Na terça-feira à noite, a primeira-ministra belga, Sophie Wilmes, anunciou novas medidas para contenção do surto, como o cancelamento de visitas de estudo, apesar de as escolas públicas se manterem abertas.

O governo belga recomendou ainda o cancelamento de eventos com mais de 1.000 pessoas em ambientes fechados.

Indonésia reporta primeira morte de um doente de Covid-19

As autoridades indonésias de saúde reportaram também hoje a primeira morte de um doente com o Covid-19 anos, uma mulher com 53 anos.


O diretor-geral de controlo e prevenção de doenças do Ministério da Saúde, Achmad Yurianto, disse que o paciente, que tinha sido o 25.º caso detetado, morreu hoje, após quase três dias de tratamento, segundo o jornal Jakarta Post.

"O paciente foi internado em estado já grave causado por doenças preexistentes, incluindo diabetes, hipertensão, hipertireoidismo e doença pulmonar obstrutiva de anos", disse o responsável.


A infeção com o novo coronavírus agravou o sistema imunológico da paciente, e as suas doenças pré-existentes, pelo que o vírus "piorou a sua condição".

Achmad Yurianto escusou-se a revelar a nacionalidade do doente e o hospital onde estava internado.

MAPA INTERATIVO MOSTRA EM TEMPO REAL OS PAÍSES AFETADOS PELO CORONAVÍRU


A Indonésia tem um total de 27 casos confirmados no país.

Veja mais: