Coronavírus

Médica portuguesa na Suécia lamenta falta de medidas mais restritivas

Médica portuguesa na Suécia lamenta falta de medidas mais restritivas

Governo sueco não decretou isolamento obrigatório no país.

Especial Coronavírus

Catarina Marques é neurocirurgiã e intérprete de poesia. Vive na Suécia, país que não decretou o isolamento obrigatório, e regista, nesta altura o dobro de mortos quando comparado com Portugal.

A médica lamenta que não sejam tomadas medidas semelhantes às adotadas pelo Governo português e recorre à poesia para reduzir a distância com amigos e familiares.