Coronavírus

Novo padrão da pandemia em Portugal não faz prever aumento da mortalidade

Graça Freitas explica que, no atual padrão da pandemia, os novos casos aparecem sobretudo em pessoas jovens.

Especial Coronavírus

A diretora-geral da Saúde diz que o novo padrão da pandemia não faz prever um aumento da mortalidade porque o número de infetados acima dos 70 anos tem sido baixo.

"Sabemos que os mais vulneráveis são as populações mais idosas e mais doentes e o atual padrão epidemiologico da distibuição dos novos casos não faz prever um aumento da mortalidade."


Porém, a previsão da OMS aponta para um aumento do número de mortes para os meses de outubro e novembro na Europa.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 924.968 mortos e mais de 29 milhões de casos de infeção em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.871 pessoas dos 64.596 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

VEJA TAMBÉM: