Coronavírus

Mais de mil passageiros em fila de espera sem distanciamento no aeroporto de Lisboa

ANA Aeroportos diz que situação é pontual.

Especial Coronavírus

Mil e quatrocentas pessoas acumularam-se este domingo, sem distancimento físico, na zona do controlo sanitário do aeroporto de Lisboa.

A ANA Aeroportos diz que a situação que estamos a ver na imagem é pontual e garante que partilhou com o SEF a lista de voos para que os meios humanos fossem acautelados.

À SIC, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras descarta responsabilidades e diz que não lhe cabe garantir o distanciamento físico entre os passageiros.

O SEF diz que reforçou o número de inspetores e lamenta que durante durante duas horas e meia, quando aterraram 18 voos de países terceiros, não tenha estado nenhum funcionário da ANA na zona do controlo sanitário.

Só depois de passar por este controlo e de se confirmar o resultado negativo do teste à Covid-19 é que os passageiros podem aceder ao aeroporto.

  • Covid-19. Conselho de Ministros anuncia hoje novas medidas

    Coronavírus

    O Conselho de Ministros reúne-se para decretar "ações imediatas" de controlo da pandemia. O recolher obrigatório é uma das propostas apresentadas pelo Governo aos partidos esta 6ª feira, dia em que o país atingiu novos máximos de mortes e casos de Covid-19. Os EUA ultrapassaram os 9 milhões. Protestos violentos em vários países contra as medidas de combate à pandemia.

    Ao Minuto

    SIC Notícias

  • 17:19