Coronavírus

Comissário europeu defende que todas as crianças devem ter condições para ensino à distância

Nicolas Schmit alerta para um possível aumento das desigualdades entre as crianças.

Saiba mais...

O Comissário europeu para o Emprego e Direitos Sociais, Nicolas Schmit, defende que é fundamental garantir que todas as crianças tenham meios para assistir a aulas à distância, sobretudo nas famílias mais carenciadas.

O luxemburguês Nicolas Schmit alerta para o aumento das "desigualdades entre as crianças" devido ao impacto da pandemia no ensino.

o Comissário europeu para o Emprego e Direitos Sociais falava após o conselho informal dos ministros da Educação da União Europeia.

O ensino à distância tem vindo a ser adotado pelas escolas para responder às limitações impostas pela pandemia.

  • 14:54