Coronavírus

Covid-19. Vacinação de idosos com mais de 80 anos e doenças arranca em Lisboa e no Norte

Mary Altaffer

Só depois chegará ao resto do país e aos idosos com mais de 80 anos sem registo de doenças.

O plano de vacinação contra a covid-19 em Portugal entra esta segunda-feira numa nova fase, que é alargada a mais grupos prioritários.

Primeiro vão ser vacinados os idosos com mais de 80 anos com doenças associadas. No entanto, acontece para já só nas regiões do Norte e de Lisboa e Vale do Tejo.

O processo arranca esta segunda-feira em alguns centros de saúde e é preciso testar o sistema de marcações.

Só depois, se tudo correr bem, é que chegará ao resto do país e ao resto das pessoas incluídas nesta fase – ou seja, aos restantes idosos com mais de 80 anos sem registo de doenças.

São vacinadas a seguir as pessoas com mais de 50 anos e patologias graves.

POLÉMICA COM VACINAS. COMISSÃO DE VACINAÇÃO FALA EM "ERROS LAMENTÁVEIS"

O coordenador da comissão de vacinação contra a covid-19 diz que é importante seguir as regras que definem os grupos prioritários a vacinar.

Na SIC Notícias, Válter Fonseca afirma que as vacinas ainda são limitadas e, por isso, "todos nós, num esforço coletivo, devemos procurar que nos respeitemos e respeitemos aquelas que foram as prioridades definidas".

O coordenador reconhece que "há erros" e que são "lamentáveis", mas é preciso "andar para a frente" e evitar novas polémicas com vacinação indevida.

As declarações do coordenador da comissão de vacinação contra a covid-19 surgem após várias notícias de vacinação indevida, como na Segurança Social de Setúbal ou na delegação do Norte do INEM.

LINKS ÚTEIS

Mapa com os casos a nível global